Mãe empreendedora: como escolher uma franquia para você?

Ser mãe é uma das experiências mais incríveis e maravilhosas. Mas nem todas as mulheres se realizam sendo mães 100% do tempo. Na verdade, a maioria delas busca também o sucesso e a realização profissional.

Nesse contexto, o empreendedorismo de modo geral, e o segmento de franquias em especial, vem se firmando como uma excelente alternativa para mulheres que buscam o ponto de equilíbrio entre a vida profissional e a maternidade, o que, de acordo com o Sebrae, já é a realidade de 74% das empreendedoras brasileiras.

Se você se encaixa nessa estatística, leia este artigo até o fim. Nele preparamos um resumo bem objetivo para você, mãe empreendedora, acertar em cheio e escolher uma franquia na qual você possa dar conta do seu negócio e do seu pequeno. Confira!

Pense no ritmo do negócio e invista em algo com que você se identifique

Um aspecto que não pode ser colocado em um segundo plano é o tipo de negócio em que se pretende investir. Isso porque a rotina e o ritmo variam muito dependendo do ramo de atuação.

Outro aspecto que também precisa ser considerado é o segmento da franquia, ou seja, o negócio propriamente dito. Pode parecer uma dica meio óbvia mas, acredite, algumas pessoas investem sem entender nada sobre o assunto com o qual trabalharão ou sem sequer gostar da área.

Resumindo: além de pensar no ritmo do negócio é preciso também escolher um ramo de atuação com o qual você tenha ao menos aptidão para lidar com o que está se envolvendo.

Por isso, separamos alguns tipos de empreendimentos e detalhamos as características de cada um deles, de modo que você possa se inspirar e considerar a opção que mais se encaixa no seu perfil.

Alimentação

Esse costuma ser um tipo de negócio com um ritmo frenético de trabalho em momentos específicos do dia, com muita ênfase em rotinas de operação. É um mercado muito grande, que continua crescendo e com diversas opções de segmentos a serem explorados.

Um exemplo de franquia nesse tipo de setor são os restaurantes de comida fitness. Se você adora atividade física e não consegue ficar parada, é bem provável que essa seja uma área atrativa para você.

Mas, como tudo na vida, esse setor também tem os seus inconvenientes: por exigir um ritmo frenético de trabalho, a liberdade de tempo acaba, por vezes, sendo prejudicada, podendo atrapalhar um pouco a rotina das mamães.

Varejo de produtos

Se você procura um ritmo mais estável, com foco no atendimento ao cliente, escolha de coleções e marketing/divulgação, o segmento de varejo é perfeito.

Mesmo demandando uma atenção mais constante, é possível delegar algumas atividades, aumentando, assim, a flexibilidade no trabalho.

Lojas do segmento infantil, como as que trabalham com quartos de bebês e enxovais, são bons exemplos de franquia nesse segmento.

Se esse assunto te faz suspirar, sinal que esse é o ramo de atuação perfeito para você, afinal, nada melhor do que trabalhar num segmento em que se está realmente interessada e ainda com flexibilidade para a rotina materna.

Se o seu desejo é ter um negócio rentável e flexível, com a possibilidade de, sempre que possível, dar um pulinho em casa para ver as crianças, essa parece ser a opção perfeita.

Serviços

Para quem gosta de gerenciar grandes equipes e tem vocação para desenvolver pessoas, uma franquia de serviços, setor que compõe quase 70% do PIB brasileiro, pode ser uma boa opção.

Como a qualidade dos serviços prestados é 100% dependente da equipe, você deve investir em treinamento constante para, depois de conseguir um time bem estruturado, ter mais tempo para desfrutar da convivência com os seus filhos.

Agora que você já sabe o que considerar na hora de empreender, entre em contato conosco para conhecer nosso modelo de franquias e veja como podemos lhe ajudar.

Por | 2018-12-26T19:22:34+00:00 31 de outubro de 2018|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário